Menu fechado

O antifascismo é uma luta atemporal

Hoje, como ontem, os fascistas tentam ocupar os espaços públicos para transformá-los em seu oposto: espaços de opressão, autoritarismo e barbárie. Eles tentaram, em outubro de 1934, ao convocarem uma manifestação na Praça da Sé, para consolidar a formação do partido nazista no Brasil, como mostra a entrevista publicada pela primeira vez, no jornal Folha de S. Paulo, em outubro de 1984, que reproduzimos em seguida. Os fascistas foram então derrotados. E hoje serão novamente, pela força da juventude, dos trabalhadores e de todos os setores que se identificam com a democracia, incluindo as vibrantes torcidas que saem às ruas contra o governo Bolsonaro.

Libelu – Abaixo a Ditadura 2020

Ruy Shiozawa – acervo particular

Documentário dirigido pelo cineasta e jornalista Diógenes Muniz, é selecionado para “É Tudo Verdade 2020”, maior festival de documentários da América Latina. Sua fase presencial fora adiada para o mês de setembro devido a pandemia do Sars-Cov-2.

Assassinato de Merlino condena o torturador Ustra

Revista Movimento, 2018.

Luiz Eduardo Merlino (1948-71) foi jornalista (trabalhou nos jornais Folha da Tarde e Jornal da Tarde), líder estudantil e militante do POC (Partido Operário Comunista). Foi brutalmente torturado e assassinado por agentes da ditadura militar brasileira. Há versões diferentes para seu desaparecimento, algumas contadas por seus amigos e companheiros, outras por relatos médicos e meios oficiais.

 

 

Dia Internacional das Mulheres

Salário igual para trabalho igual

Há décadas, a igualdade salarial é uma reivindicação central do movimento das mulheres de todo o mundo, uma luta que se renova a cada 8 de março. No Brasil, as trabalhadoras metalúrgicas do ABC tiveram um papel importantíssimo em defesa da igualdade de gênero, como mostra o vídeo cujo trecho aqui reproduzimos:

Para ver na íntegra acesse: Mulheres Metalúrgicas (Acervo TVT – TV dos Trabalhadores).

 

Projeto “Mário Pedrosa, 120 anos”

Do livro “Mário Pedrosa Primary Documents”, Jornal da USP.

CEMAP-Interludium vence edital de Modernização de Arquivos. Conheça o projeto Mário Pedrosa, 120 anos, que realizará a preservação e difusão digital do Acervo do Centro de Documentação Mário Pedrosa (Cemap). Com participação do Cedem-Unesp e do PROAC (SEC-SP).

Projeto Memória de uma Imprensa Alternativa entra na fase de execução

O projeto Memória de uma Imprensa Alternativa já começou a fase de execução, com o preparo preliminar para a digitalização das coleções dos jornais Movimento, Opinião e Versus, que integram o acervo do Centro de Documentação do Movimento Operário Mário Pedrosa (Cemap). Disponibilizar o acesso às edições desses três importantes veículos alternativos de resistência democrática que circularam durante o período da ditadura “infelizmente ganha ainda mais relevância nos dias de hoje”, avalia a diretora-geral de Cemap-Interludium, Lúcia Pinheiro. “Com a tragédia do momento político que estamos vivendo, sob uma mal disfarçada ditadura, não necessariamente a imprensa alternativa, mas sim a imprensa independente se impõe.”

Venezuela em foco – vídeos

Palestra Laurinha VenezuelaA conversa com Laura Capriglione na PUC

Para quem perdeu, a palestra da jornalista Laura Capriglione (Jornalistas Livres) sobre a situação política da Venezuela, no dia 21 na PUC, foi transmitida ao vivo pelas páginas do Facebook da Apropuc e dos Jornalistas Livres. Vocês podem conferir a conversa nos links abaixo.

Logo da Apropuc

Logo Jornalistas Livres